2012.03.22 Pagode do Ganso Grande e Museu de Xian

Ao sul do cidade tem um pagode do ganso grande dentro de um parque bom de se passear. Fizemos a volta pelo pagode, mas não nos interessamos de entrar para ver as exposições. Depois de muitos dias vendo exposições é natural você ficar insensível. É impossível absorver muita informação histórica, então passeamos olhando o pagode meio de longe, as fontes de água e as barraquinhas turísticas. De noite tem um show das águas, mas faltou pique para voltar de noite aqui…

No final do parque encontramos um Pizza Hut, e comemos pizza e macarrão. Eles costumam servir uma bebida levemente quente. Parece chá; ou água morna com um pouco de sabor de… sapólio? Sei lá. Depois de trocentas vezes indo no Pizza Hut eu já estou me arriscando a tomar meia caneca dessa água. Faz um pouco de sentido tomar água morna quando está frio. Aliás, teve um dia frio, aqui em Xian, que compramos água em uma barraquinha na rua e o vendedor ofereceu uma garrafa melhor, quentinha. Imagina? Eu peguei a gelada mesmo 🙂

Dizem que o melhor museu histórico para se visitar na China é o museu histórico de Xian. Eu não sei se chega a ser melhor que o museu histórico da China que fica a leste da Praça Tiananmen, mas me pareceu tão bom quanto. Desta vez resolvemos esperar um grupo entrar e uma das salas para ir atrás e fazer a visita pelo lado correto. Desta vez nós começamos a visita pelo neolítico, onde havia uma plaquinha explicando, em chinês, a geografia de Xian. Pelo que observei e ouvi de uma guia, que explicou em inglês, Xian fica no meio de uma cadeia de montanhas. Tem montanhas ao norte, oeste e sul. Somente a leste existe uma abertura na cadeia de montanhas, permitindo a entrada pelo rio amarelo. Bastava proteger aquele lado de qualquer invasão estrangeira. Provavelmente foi essa característica que permitiu que Xian permanecesse como capital da China por tanto tempo.

Foi logo depois da unificação da China que a rota da seda foi estabelecida, criando um canal de comunicação sem precedentes entre ocidente e oriente. Eu tenho a impressão que a Pérsia era o maior centro mercantil da época, mas a seda e a qualidade dos metais e cerâmica chineses eram produtos que só eram encontrados aqui, pelo menos com a melhor qualidade possível naquela época.

Neste museu também tem várias peças de cerâmica de três cores, que é uma técnica que eu acho feia, mas que é bem valorizado nos museus e livros. As cores estão até hoje nas peças. Ou seja, posso achar feio, mas não posso dizer que é de má qualidade, não é mesmo?

Por volta do século V a influência budista na China está registrada em várias imagens de Buda.

De noite a Ana Paula se aventurou em um restaurante com “english menu” onde não dava para entender nada. No final ela apontou e pediu um porco agridoce com refogado de arroz. O porco tinha cor de frango e gosto de peixe, segundo ela. Carne sem gordura, como se fosse o peito do frango. Eu não me arrisquei, nesse restaurante. Acabei comendo um prato estranho pra dedéu no Häagen Dazs: uns pratinhos de sushi de sorvete com chocolate, sopa de feijão azuki com umas amêndoas que eu não tenho certeza, mas pareciam macadamias, e uns cortes de kiwi, banana e um pedaço de bolo quente de chá verde com feijão azuki cozido em volta. Não era bem um jantar, mas acabou sendo 🙂

20120326-223647.jpg

20120326-223704.jpg

20120326-224012.jpg

20120326-224041.jpg

20120326-224103.jpg

20120326-224151.jpg

20120326-224204.jpg

20120326-224217.jpg

20120326-224230.jpg

20120326-224026.jpg

20120326-225838.jpg

20120326-224244.jpg

20120326-224256.jpg

20120326-224318.jpg

20120326-224331.jpg

20120326-224342.jpg

20120326-224353.jpg

20120326-224408.jpg

20120326-224421.jpg

20120326-224452.jpg

20120326-224505.jpg

20120326-224531.jpg

20120326-224553.jpg

20120326-224603.jpg

20120326-225849.jpg

20120326-225858.jpg

1 Response

  1. Ter restrição alimentar aqui na China, principalmente em relação a carne de porco torna a busca por uma refeição bem difícil. Como eu como quase tudo (não me arrisquei a comer escorpião, aranhas e outros insetos) é bem mais fácil. A carne de porco geralmente tem menos gordura que o frango servido por aqui.

Deixe uma resposta